Alunos de escola municipal participam de projeto de Kung Fu

Melhorar o deficit de atenção e a disciplina nas atividades educacionais dos alunos são os objetivos da Emeief Professor José Justino Castilho, com a parceria no projeto “Kung Fu, Formando Cidadãos”. Nesta quarta-feira, 20 de maio, os alunos do projeto fizeram uma apresentação ao prefeito Paulo Hadich.

 

Os alunos mostraram, ao prefeito, o quanto as atividades esportivas, por meio das artes marciais, têm contribuído para o desenvolvimento nas atividades escolares e também no comportamento em casa.

 

“Quero parabenizar cada um de vocês que participaram desta formação, principalmente aos diretores e professores da escola que se envolveram neste projeto. Uma das funções das artes marciais é trazer mais disciplina, confiança e autocontrole. Torço para que todos os alunos cresçam dentro do esporte e continuem praticando o kung fu”, destacou Hadich.

 

O projeto iniciou na escola em novembro de 2014, por meio de uma iniciativa do professor de educação física que indicou a escola ao projeto Kung Fu. O idealizador do projeto é o professor, Jairo Figueiredo. Até o momento, 40 crianças estão participando da iniciativa. Segundo o coordenador do projeto, Daniel Ventura, há uma parceria com a Secretaria de Esportes do Estado para a realização, além do apoio de alguns patrocinadores que custeiam os gastos com lanches e uniformes.

 

“Todo o financiamento do projeto vem através dos patrocinadores. Já estamos atendendo cerca de 80 crianças, entre a escola José Justino, e o núcleo do bairro Geada”, informou Ventura.

 

A vice-diretora da escola, Andreia Ventura, contou que o projeto tem contribuído muito com a questão da disciplina e principalmente nas atividades escolares. No entanto, está inserido no projeto Mais Educação, da “Escola em Tempo Integral”. “O projeto está envolvendo a comunidade. Nós temos alunos que já saíram da escola, porém, os pais estão nos procurando para colocarem o filho no projeto. Estamos tendo um retorno muito positivo”, afirmou.

 

O aluno do 5º ano, Pedro Henrique de Souza, de 10 anos, está se identificando muito com kung fu. Para ele, a atividade esportiva tem ajudado em sua rotina de casa e principalmente escolar. “Antes eu ficava em casa parado. Agora, eu tenho uma atividade para fazer. Na escola com as lições também tem ajudado muito”, comentou.

 

Para Benedita Rosa Gonçalves, mãe do aluno, Kauã Gonçalves, de 8 anos, o kung fu, tem contribuído com as atividades de sala de aula. Segundo ela, o filho tem melhorado o seu desempenho. “Ele se preocupa muito com o horário de aula do kung fu. Não pode perder hora. Ele está bastante entusiasmado com o projeto. Estou gostando muito com o trabalho desenvolvido por eles”, destacou.

Jornalista: Vanessa Ferreira

Créditos: Adilson Silveira

Foto Adilson Silveira (1) Foto Adilson Silveira (2) Foto Adilson Silveira (3) Foto Adilson Silveira (4) Foto Adilson Silveira (5) Foto Adilson Silveira (6) Foto Adilson Silveira (7) Foto Adilson Silveira (8) Foto Adilson Silveira (9)

Alunos de Limeira recebem orientações sobre conscientização no trânsito

Os alunos da escola municipal Professora Marcia Aparecida Della Coletta Sillmann receberam orientações sobre trânsito consciente. A ação faz parte da campanha “Maio Amarelo – Atenção pela Vida”, da Prefeitura de Limeira em parceria com o governo estadual. A ação de conscientização para o uso do cinto de segurança visa conscientizar a população para promover um trânsito mais seguro (incluindo o uso do cinto de segurança no banco traseiro) e reduzir a ocorrência de acidentes. A visita à escola, realizada pela equipe de educação para o trânsito, da Secretaria de Mobilidade Urbana de Limeira, ocorreu nesta quarta-feira, 20 de maio.

 

A intenção da campanha nas escolas é conscientizar as crianças quanto à importância do cinto de segurança no banco traseiro. Após a palestra, os alunos receberam a cartilha da Cidade do Trânsito e um talão de multas fictício. “O objetivo é que as crianças sejam também interlocutoras do uso do cinto e levem a informação aos pais, além disso, a campanha também servirá para a formação da criança enquanto cidadãos conscientes”, afirmou a agente da equipe de educação para o trânsito, Gabriela Alves.

 

Ainda de acordo com Gabriela, a campanha está acontecendo todas as quartas-feiras no mês de maio. Nesta semana a campanha foi realizada em duas escolas, uma municipal e outra estadual. “Durante todo o mês, realizaremos atividades de conscientização que também envolverão palestras nas empresas da cidade”, informou.

 

Para a diretora da escola, Lilian Becatti da Silva Rodrigues, a conscientização no trânsito é trabalhada de forma contínua com os alunos, inclusive, faz parte do currículo pedagógico da Secretaria de Educação. “Nós não temos dificuldades para abordar o assunto com os alunos. As próprias crianças já trazem a informação acompanhada de dúvidas e perguntas. Dentro da sala de aula, as professoras abordam o assunto com orientações e sugerem reflexões, além das atividades práticas, como trabalhar a questão do acidente, a importância de respeitar a sinalização e o limite de velocidade”, salientou.

 

Lilian ressaltou que as atividades realizadas sugerem o desenvolvimento consciente, como valores e respeito. “A escola tem também o papel de orientar as crianças a serem cidadãos conscientes e esclarecidos, mas, acima de tudo, que saibam respeitar o próximo”, frisou.

 

Jornalista: Vanessa Ferreira

Créditos: Adilson Silveira

Foto Adilson Silveira (1) Foto Adilson Silveira (2) Foto Adilson Silveira (3) Foto Adilson Silveira (4) Foto Adilson Silveira (5) Foto Adilson Silveira (6) Foto Adilson Silveira (8)

Atribuição de Classes 21 e 22/05/2015

ENSINO FUNDAMENTAL
Unidade Escolar Tipo Classe Período tipo de afastamento
EMEIEF ARACY NOGUEIRA GUIMARÃES EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 150 H/A MENSAIS
EMEIEF ARACY NOGUEIRA GUIMARÃES EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 150 H/A MENSAIS
EMEIEF ISAURA GAIZA DO AMARAL PENTEADO EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 05 H/A LEITURA
EMEIEF ISAURA GAIZA DO AMARAL PENTEADO EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 05 H/A MATEMÁTICA
EMEIEF PASTOR ISMAEL PEREIRA LAGO EF REC.PARALELA TARDE 150 H/A MENSAIS
EDUCAÇÃO INFANTIL
Unidade Escolar Tipo Classe Período tipo de afastamento
EMEIEF ISAURA GAIZA DO AMARAL PENTEADO EI ETAPA II MANHÃ LIC.SAÚDE ATÉ 19/06/15
EMEIEF MAJOR JOSÉ LEVY SOBRINHO EI 1ª ET B TARDE LIC.SAÚDE ATÉ 19/06/15
EMEIEF PASTOR ISMAEL PEREIRA LAGO EI 2ª ET A TARDE LIC.PRÊMIO ATÉ 18/06
EDUCAÇÃO INFANTIL
Unidade Escolar Tipo Classe Período ESPECIALIDADE Nº de aulas
CI ALDELENA BARALDI FONSECA SANTOS EI 1ª ET A MANHÃ ARTES 2
CI ALDELENA BARALDI FONSECA SANTOS EI 1ª ET B MANHÃ ARTES 2
CI MÁRCIA HELENA BALDOVE BETTONI EI M II A MANHÃ ARTES 2
EMEI THERESA VERONESI D’ANDREA EI M II D MANHÃ ARTES 2
EDUCAÇÃO ESPECIAL
Unidade Escolar Tipo Classe Período tipo de afastamento
CEIEF FLORA DE CASTRO RODRIGUES EE SALA DE RECURSO 1 TARDE LIVRE

Educação promove formatura de alunos do ProJovem Urbano

Os formandos do ProJovem Urbano de Limeira – 2015, receberam o certificado de conclusão do curso do ensino fundamental (8ª série). O projeto que é um programa do governo federal, por meio do Ministério da Educação (MEC), em parceria com a Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Educação, formou 20 alunos neste ano. Eles participaram da cerimônia de formatura que ocorreu nesta segunda-feira, 18 de maio, no Teatro Nair Bello, no Parque Cidade.

 

O evento contou com a participação do prefeito Paulo Hadich, da secretária de Educação, Adriana Ijano Motta, da chefe do setor de jovens e adultos, Jacqueline Soares de Lima Dias, da diretora da Emeief Professor Nestor Martins Lino, Rita de Cássia Alves Scandolera, além dos familiares dos alunos.

 

 

Hadich falou sobre a importância de manter o programa e, principalmente a relevância de proporcionar a esses jovens a oportunidade de voltarem a estudar e terem a garantia de uma carreira profissional melhor. O prefeito destacou ainda o trabalho e dedicação de todos os profissionais envolvidos na realização do projeto.

 

“Nossa intenção, junto com a secretária Adriana, é tornar Limeira uma cidade com mais oportunidades para todos. Desde o início, a nossa preocupação foi trazer educação formal para quem nunca teve a oportunidade de ter acesso à escolaridade”, frisou.

 

A secretária de Educação, Adriana Ijano Motta, reiterou quanto à importância do estudo e a possibilidade de se ter uma vida melhor através dele. “Aqui no Brasil, quanto maior for a escolaridade de um cidadão, aumenta a possibilidade de uma renda maior e consequentemente a garantia de uma vida melhor. Tudo isso, vem através da educação e do estudo. Gostaria muito de encontrar esses alunos na faculdade. Peço que cada um que esteja se formando hoje, leve uma palavra de incentivo aos que estão iniciando a jornada agora”, salientou.

 

A diretora da escola onde ocorrem as aulas, na Emeief Professor Nestor Martins Lino, Rita de Cassia, relembrou que essa é a primeira turma a se formar na escola e agradece a todos pela dedicação. “Essa primeira turma já faz parte da história da nossa escola. Que esses alunos encarem como mais uma vitória na vida de cada um. O conhecimento é algo que ninguém nos tira”, destacou.

 

“Eu aprendi admirar cada um desses alunos. Conheço a história de vida de todos. Nós criamos um laço muito forte que se estende além do conteúdo das aulas. Nos tornamos amigos, confidentes e apoiadores nesses 18 meses. Considero os vinte alunos formandos de hoje, como grandes vencedores e espero que todos vocês deem continuidade aos estudos, façam o ensino médio, a faculdade, pois, só assim conseguirão ter uma qualidade de vida melhor para eles e sua família”, ressaltou a chefe do setor de jovens e adultos, Jacqueline Soares de Lima Dias.

 

Programa

 

O ProJovem Urbano atende jovens de 18 a 29 anos que saibam ler e escrever e ainda não concluíram a 8ª série. Além do certificado da 8ª série, o curso oferece também o certificado de qualificação profissional em administração (noções básicas de auxiliar administrativo, office boy, office girl, almoxarife), aulas de informática e aulas de participação cidadã. Além disso, os alunos que entregarem os trabalhos, solicitados nas aulas que e tenham frequência de 75% recebem do governo federal um auxílio de R$100,00, por mês. Alunos com filhos entre 4 e 8 anos podem trazer suas crianças para as aulas, pois o programa também oferece acolhedores que cuidam durante o horário de aula.

Jornalista: Vanessa Ferreira
Créditos: Adilson Silveira
Foto Adilson Silveira (1) Foto Adilson Silveira (2) Foto Adilson Silveira (3) Foto Adilson Silveira (4) Foto Adilson Silveira (5) Foto Adilson Silveira (6) Foto Adilson Silveira (7) Foto Adilson Silveira (8) Foto Adilson Silveira (9)

Educadores de Limeira participam de debate sobre “Pátria Educadora”

Os profissionais da Secretaria de Educação participaram de uma videoconferência que tratou, por meio de um debate, o programa do governo federal “Pátria Educadora”. A intenção foi inteirar os profissionais quanto às diretrizes que envolverão o plano. A videoconferência que ocorreu nesta segunda-feira, 18 de maio, foi promovida pela Unicamp em Limeira e teve a participação de entidades nacionais de educadores.

 

O plano que foi discutido nacionalmente ocorreu em dois momentos, na mesa 1, pela manhã, o debate foi em torno do tema “Brasil, Pátria Educadora: lema de quem para quem”. À tarde, na mesa 2, o tema discutido foi “Brasil: Pátria Educadora? Análise e encaminhamentos possíveis”. O debate pode ser acompanhado presencialmente no salão nobre da Faculdade de Educação ou através da videoconferência da FE.

 

A chefe de Supervisão de Ensino, da Secretaria de Educação, Maria Eliete Lacerda Lucchesi, disse que a finalidade desse debate foi promover reflexões acerca do plano, já que envolve diretamente a educação municipal. “O nosso objetivo foi colocar os profissionais da educação municipal informados em tudo que envolve e envolverá o plano Pátria Educadora”, informou.

 

Jornalista: Vanessa Ferreira

Créditos: Adilson Silveira

Foto Adilson Silveira (1) Foto Adilson Silveira (2) Foto Adilson Silveira (3) Foto Adilson Silveira (4)

Profissionais da educação participarão de capacitação sobre educação especial

A Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Educação, proporcionará aos educadores e servidores da rede municipal uma formação sobre Educação Especial, com ênfase em inclusão. O curso estará aberto a todos os profissionais da Pasta, independente do cargo ou função. Antes de iniciar o treinamento, o departamento responsável está realizando uma pesquisa onde os funcionários devem responder em qual formação deseja participar, se será na área da deficiência física, visual, auditiva, intelectual ou de transtorno global do desenvolvimento. O curso será iniciado após a definição das inscrições, que deverão ser realizadas por meio do sitehttp://goo.gl/forms/M7qLmDDJzE.

 

O intuito da formação é de que todos os profissionais das unidades escolares, e também da Secretaria de Educação, consigam entender os limites, como devem lidar e como devem recepcionar o aluno com deficiência, de maneira que consigam enxergá-los com igualdade e respeito. Segundo a chefe do departamento de Educação Especial, Mariluz Altino Barreto, a formação possibilitará esclarecimentos quanto às características e especificidades de cada deficiência.

 

“A formação será dividida por módulos, podendo o interessado se inscrever em mais de uma opção. Quanto à carga horária dos cursos, será dividida de acordo com o conteúdo. Para cada módulo ou tipo de deficiência serão disponibilizadas 40 vagas”, informou.

 

Mariluz ressalta que se houver excedido o número de vagas nos módulos, serão montadas outras turmas. “É importante dizer que as formações acontecerão em horários opostos ao trabalho, no caso dos professores terão dispensa do HTPC (Horário de Trabalho Pedagógico Coletivo).

 

 

Cursos e Horários:

 

DF – Deficiência Física: caracterização, história e legislação, Comunicação Alternativa, oficina de materiais adaptados, em 4 encontros.

 

DV – Deficiência Visual: caracterização, história e legislação, oficina de materiais adaptados, serão 4 encontros.

 

DA – Deficiência Auditiva: caracterização, história e legislação, oficina de materiais adaptados, Introdução a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais), serão 6 encontros.

 

DI – Deficiência Intelectual: caracterização, história e legislação, síndromes mais comuns, intervenções pedagógicas, serão 3 encontros.

 

TGD – Transtorno Global do Desenvolvimento: caracterização, história e legislação, intervenções pedagógicas, serão 3 encontros.

 

Os cursos serão realizados em 3 turnos diferentes. No período da manhã, das 8h30 às 11h30, no período da tarde será das 13h30 às 16h30, e à noite começará às 18h30 até 21h30.

 

Jornalista: Vanessa Ferreira

 

Monitoras da rede municipal recebem capacitação sobre sexualidade infantil

As monitoras da saúde que atuam nos Centros Infantis e nas Ceifes e no Bolsa Creche da rede municipal de ensino de Limeira, participaram de uma capacitação oferecida pela Secretaria de Educação, por meio do Serviço Social Escolar, representada pela Comissão Saúde. A capacitação que contou com uma palestra ministrada pelas assistentes sociais que abordaram o tema: “Sexualidade Infantil” ocorreu na última quarta-feira, 6 de maio, no Centro de Formação do Professor, no Parque Cidade.

 

De acordo com a assistente social, Tatiana Coelho, essas capacitações oferecidas às monitoras têm obtido resultados bastante positivos e esses resultados podem ser observados nas avaliações que são realizadas após cada capacitação. O tema desta palestra que abordou a sexualidade, segundo ela, teve a intenção de sensibilizar e diferenciar a sexualidade nas diferentes idades, uma vez que o tema é tratado muitas vezes como tabu. Durante a capacitação as monitoras também participaram de oficinas e desenvolveram atividades acerca do tema.

 

“A sexualidade tem picos em algumas faixas etárias e já começam a aparecer aos 2 anos de idade. No entanto, as crianças não sabem diferenciar o que é isso, e fazem brincadeiras entre elas ao manipularem as mãos. As monitoras têm muitas dúvidas quando se deparam com esse tipo de situação. O intuito é levar a elas informações de como devem agir, além de propor atividades com as crianças, e que despertem a atenção através dos objetos voltados para atividades educativas”, ressaltou.

 

Tatiana destaca ainda que em todas as capacitações são enviados materiais que abordam o tema discutido, além das avaliações. “O nosso intuito é realizar de 2 a 3 capacitações por ano, geralmente, com os temas que mais se manifestam no cotidiano escolar e refletem no relacionamento da escola, aluno e família. A finalidade é que essas profissionais da educação sejam também multiplicadoras de todas as informações que são passadas, por meio das capacitações e materiais informativos que elas recebem”, salientou.

 

Jornalista: Vanessa Ferreira

 

Atribuição de Classes 14 e 15/05/2015

ENSINO FUNDAMENTAL
Unidade Escolar Tipo Classe Período tipo de afastamento
EMEIEF ALDO JOSÉ KUHL EF 2º ANO A MANHÃ VICE-DIRETOR
EMEIEF ARACY NOGUEIRA GUIMARÃES EF MAIS EDUCAÇÃO MANHÃ 150 H/A MENSAIS
EMEIEF MARIA APARECIDA MACHADO JULIANELLI EF MAIS EDUCAÇÃO MANHÃ 05 H/A - LEITURA
EMEIEF MARIA APARECIDA MACHADO JULIANELLI EF MAIS EDUCAÇÃO MANHÃ 05 H/A - MATEMÁTICA
EMEIEF MAURÍCIO SEBASTIÃO FERREIRA EF 3º A MANHÃ PROF.COORD.
CEIEF ARLINDO DE SALVO EF 2º ANO C TARDE LIC.SAÚDE ATÉ 30/06/15
EMEIEF BENEDICTA DE TOLEDO EF 3º ANO B TARDE LIC.GESTANTE ATÉ 03/11/2015
EMEIEF ISAURA GAIZA DO AMARAL PENTEADO EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 05 H/A - LEITURA
EMEIEF ISAURA GAIZA DO AMARAL PENTEADO EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 05 H/A - MATEMÁTICA
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EF 2º ANO 3 TARDE LIC.SAÚDE - INDETERMINADO
EMEIEF NESTOR MARTINS LINO EF 1º ANO 4 TARDE APOSENTADORIA
EMEIEF TENENTE AVIADOR ARY GOMES DE CASTRO EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 05 H/A - MATEMÁTICA
EMEIEF TENENTE AVIADOR ARY GOMES DE CASTRO EF MAIS EDUCAÇÃO TARDE 05 H/A - MATEMÁTICA
ENSINO FUNDAMENTAL
Unidade Escolar Tipo Classe Período ESPECIALIDADE Nº de aulas
CEIEF ARLINDO DE SALVO EF 3º A MANHÃ ARTES 3
CEIEF ARLINDO DE SALVO EF 5º A MANHÃ ARTES 3
CEIEF ARLINDO DE SALVO EF 5º B MANHÃ ARTES 3
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EF 1º 1 MANHÃ ARTES 3
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EF 1º 2 MANHÃ ARTES 3
EMEIEF BENEDICTA DE TOLEDO EF 4º B TARDE ARTES 3
EDUCAÇÃO INFANTIL
Unidade Escolar Tipo Classe Período tipo de afastamento
EMEIEF BENEDICTA DE TOLEDO EI M II A MANHÃ LIC.GESTANTE ATÉ 03/11/2015
EDUCAÇÃO INFANTIL
Unidade Escolar Tipo Classe Período ESPECIALIDADE Nº de aulas
CEIEF ARLINDO DE SALVO EI 1ª ET A MANHÃ ARTES 2
CI JOSÉ EDUARDO VOIGT SAMPAIO EI M II A MANHÃ ARTES 2
CI JOSÉ EDUARDO VOIGT SAMPAIO EI 1ª ET A MANHÃ ARTES 2
CI JOSÉ EDUARDO VOIGT SAMPAIO EI 2ª ET A MANHÃ ARTES 2
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EI M II 1 MANHÃ ARTES 2
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EI I ET 1 MANHÃ ARTES 2
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EI I ET 2 MANHÃ ARTES 2
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EI II ET 1 MANHÃ ARTES 2
EMEIEF JOSÉ JUSTINO CASTILHO EI II ET 2 MANHÃ ARTES 2
CI CÉLIA REGINA SCIARRA EI M II C TARDE ARTES 2
CI CÉLIA REGINA SCIARRA EI 1ª ET A TARDE ARTES 2
CI CÉLIA REGINA SCIARRA EI 1ª ET B TARDE ARTES 2
CI CÉLIA REGINA SCIARRA EI 2ª ET B TARDE ARTES 2
CI JOSÉ EDUARDO VOIGT SAMPAIO EI M II B TARDE ARTES 2
CI JOSÉ EDUARDO VOIGT SAMPAIO EI 1ª ET B TARDE ARTES 2
CI JOSÉ EDUARDO VOIGT SAMPAIO EI 2ª ET B TARDE ARTES 2
CI JOSÉ REINALDO RIBEIRO BRUGNARO EI M II C TARDE ED.FÍSICA 2
CI JOSÉ REINALDO RIBEIRO BRUGNARO EI 1ª ET A TARDE ED.FÍSICA 2
CI JOSÉ REINALDO RIBEIRO BRUGNARO EI 1ª ET B TARDE ED.FÍSICA 2
CI JOSÉ REINALDO RIBEIRO BRUGNARO EI 1ª ET C TARDE ED.FÍSICA 2
EMEI LARANJINHA EI 1ª ET A TARDE ED.FÍSICA 2
EMEI LARANJINHA EI 2ª ET B TARDE ED.FÍSICA 2

Funcionários e comunidade escolar participam de palestra sobre dengue

Os funcionários e alunos do Centro Infantil Irmã Maria José de Jesus, de Limeira, participaram de uma palestra sobre o combate à dengue. A ação, que tem o objetivo de reforçar a conscientização sobre o trabalho contínuo na eliminação de possíveis focos transmissores, também contou com a participação dos pais dos alunos. A palestra foi realizada no dia 28 de abril, no centro infantil.

 

A coordenadora pedagógica da unidade, Marislei Darci Camargo Rocha, disse que as orientações foram colocadas de maneira esclarecedora e contribuiu com mais informações relacionadas à prevenção, como os sintomas e tratamento da doença. A palestra foi ministrada pelos representantes do Centro de Controle de Zoonoses, Júlio César do Amaral e Munira Scavazini Coelho.

 

“As ações práticas têm sido contínuas na rotina da escola, com a finalidade dos conhecimentos se transporem dos portões às residências, para que dessa forma, a instituição escolar cumpra sua função social na formação de pessoas compromissadas com o bem-estar individual e coletivo”, destacou.

 

Marislei disse ainda que a palestra teve também objetivo reflexivo, além disso, faz parte do Projeto Gota D’água, relacionado ao meio ambiente.“A intenção é conscientizar toda a comunidade de que a dengue só acaba quando forem eliminados os criadouros, que na maioria dos casos estão dentro das residências”, frisou.

Jornalista: Vanessa Ferreira

Créditos: Divulgação

Irmã Maria 1 Irmá Maria 2 Irmã Maria

 

Parceria com UFSCar capacita educadores de Limeira

A Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Educação, em parceria com a UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), deu início às aulas da segunda oferta do curso de Especialização em Coordenação Pedagógica. O curso é destinado aos profissionais que exerçam a função de coordenador pedagógico, professor coordenador, professor mediador ou diretores.

 

De acordo com a Agente de Desenvolvimento Educacional (ADE) e Coordenadora do Polo de Limeira, Eliane Quinelato, é um curso oferecido exclusivamente para profissionais em efetivo exercício da função nas escolas públicas da educação básica do Estado de São Paulo.

 

“Nesta segunda oferta o número de alunos triplicou – são 130 cursistas matriculados no polo de Limeira, que recebe alunos de Rio Claro, Santa Bárbara d’Oeste, Piracicaba, Pirassununga, Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Itapira, São Pedro, Araras, Espírito Santo do Pinhal, Nova Odessa, Cordeirópolis, Aguaí, Holambra, Americana e Limeira.”, explicou a agente.

 

O curso será realizado de abril de 2015 até agosto de 2016, com carga horária de 405 horas. As aulas estão acontecendo desde 8 de abril, aos sábados, no Centro de Formação do Professor, na Secretaria de Educação.

Jornalista: Vanessa Ferreira